Sete dicas para um momento de paquera

Explorando outros detalhes e aprofundando os pontos já divulgados neste Site, vimos oferecer, descontraidamente, algumas orientações para o momento inicial do jogo do amor, sem as quais o romance nem começa.

Momento de paquera-3Esta Agência postula que o “flerte” é como uma disciplina acadêmica que deveria ser bem estudada antes de ser colocada em prática. Ou seja, as dificuldades, as falsidades e os equívocos incidentes no jogo da paquera deveriam suscitar questionamentos a nível lógico e científico, visando facilitar uma atividade fundamental para a paz e a sobrevivência humana, a saber, a existência de casamentos bem feitos.

Como este ideal cristão não é a realidade, ou, por esta não ter sido ainda descoberta e posta em prática, as pessoas não obtém sucesso no jogo da sedução, a não ser quando esta se dirige apenas à mera satisfação sexual, coisa que a rigor não comporta mérito algum, pois chegar junto somente para curtir o prazer, isto qualquer gato e cachorro faz, e às vezes até melhor do que nós!

Log de Casamento-a-Três Transparent (180 x 250)Assim, para sustar este processo comum de se contar apenas “com a sorte”, esta Agência “Casamento-a-Três” rema contra a corrente e propõe ser uma ferramenta para evitar os insucessos frequentes no jogo do amor, trabalhando cientificamente com a teoria e a prática mais lógica para proporcionar sucesso no objetivo de levar homem e mulher à realização do Casamento ideal, o Casamento-a-Três.

Neste post sobre paquera, ou sobre o início complicado do “processo de conquista”, afirmamos que “flertar” é, além de uma ‘arte’, uma linguagem, e assim, com esta condição de linguagem, ninguém nasce sabendo. Portanto, se você quer saber, em teoria, como seria “o flertar ideal de um ‘profissional’ do ramo”, tem que aprender algumas coisas de saída, como os tais “sinais” que confundiram até o Djavan (lembra da música em que ele diz: “Teus sinais me confundem da cabeça aos pés”…?). Enfim, siga as seguintes ideias e comece a se capacitar para ir obtendo sucesso no momento certo, como Homem e não como animal.

1- Escolha quem combina o objetivo de vida com você

casal-orandoVocê não deve esperar que o mundo tenha uma pessoa já pronta para você! Ela pode nem existir ainda ou existir oculta no coração de uma velha amiga, ou pode ser enviada por Deus de repente, e, como num passe de mágica, os sinos de Belém começarem a tocar para você e para ela (sempre é bom que toquem para os dois!). Enfim, tudo depende dEle, e tudo afinal pode ou não dar certo: estas incertezas são próprias do jogo da paquera e ninguém pode impedir que haja riscos, sobretudo no começo.

Dessa forma, você vai ganhar boa experiência flertando sem pressa, nos vários ambientes onde a partir de agora estará mais atento. Mas o melhor ambiente para uma boa paquera é a igreja e os eventos que estão na programação anual de sua denominação ou paróquia.

2- Tenha “densidade” ou conteúdo virtuoso

Lendo a Bíblia com ela-2A acumulação de suas experiências deverá ter lhe dado um coração sábio e uma mente perspicaz, capaz de encontrar sempre um bom motivo para falar com uma moça interessante, sobretudo se ela é uma filha adotiva de Cristo. Por exemplo: se você está em uma sala de aula com várias pessoas, encontre uma pergunta sobre um tópico relevante do assunto ali tratado, de preferência algo que possa ser dito com descontração e bom humor. Se o seu ou a sua paquera está numa fila atrás de você num cinema ou num concerto musical, pergunte sobre o filme ou sobre a banda. Seja vivo, criativo, e esteja pronto para responder a todas as perguntas que ele ou ela lhe fizer.

3- Tenha um olhar marcante, mas não erótico

Se você não tiver contato visual direto com seu/sua pretendente, deve olhar com olhar mostrando interesse em outra coisa, porque o olhar desinteressado dá uma impressão ruim para quem está esperando uma aproximação. Mas então, você é tímido demais para procurá-lo(a) olhando nos olhos? Ora, olhe para o meio dos olhos, ou o centro acima do nariz, ou para o próprio nariz. Ele/ela vai interpretar isso como o olhar certo do contato interessado entre vocês, e aí a coisa vai fluir. Isto resolve sim, mas o melhor é mesmo olhar olho no olho. Veja se na segunda vez você consegue, ok?

4- Cuidado com um elogio

Você é a coragem que me faltaEscolha uma coisa que você gosta e leve o(a) pretendente a pensar que você está elogiando aquele ponto particular de seu cabelo, de seu sorriso, uma parte de sua roupa, etc. Deixe saber de uma forma muda o quanto você gosta dele(a), por aquele item específico de seu olhar. Numa sociedade em que cada vez está mais raro as pessoas serem honestas em suas intenções, a dica é: elogie aquilo que de fato faz parte de seu gosto verdadeiro, e não alguma coisa que os outros iriam elogiar também.

Ex: A mulher está com um vestido esverdeado. E você adora a cor verde. Assim, quando for elogiar o vestido, seu elogio será sobre a cor que você gosta, e não sobre se aquela roupa dela está ou não na moda. Ok? Entendido? Isto vai fazer ela perceber, a cada dia mais, que você é, acima de tudo, honesto, e as demais virtudes pegarão carona nesta qualidade rara hoje em dia.

5- Ter rosto sorridente, mas não patético

Sorridente patético-1Você não tem que rir o tempo todo como um palhaço metido a paquerador ou um paquerador metido a palhaço! A ideia aqui é estampar uma feição evidente de satisfação pela vida que leva, passando a imagem de uma pessoa autoconfiante, triunfante e bem resolvida. Parece piada mas, esta regra é bem simples: não se esqueça de sorrir sempre que estiver com vontade, mas sem “fabricar” risadas, e muito menos piadinhas do tipo “sem noção”…

6- Cuidado com os silêncios constrangedores

Não há nada mais frustrante do que ficar em silencio ao lado da pessoa com quem você mais deseja conversar! Fuja disso! Ao invés disso, seja uma pessoa polivalente, tendo na sua bagagem cultural diversos assuntos para usar quando precisar, tais como: música (seu estilo favorito), sua banda predileta, a profissão mais desejada, fatos do mundo que repercutiram em sua pessoa, uma viagem que lhe marcou, mistérios do universo que você domina ou estuda, etc.. É isso, e deve ser muito mais.

7- Nunca ponha o carro na frente dos bois

Carro na frente dos boisPor último, e aqui apontamos a dica mais importante (se é importante para a mulher, para o homem então é fundamental!): jamais precipite as coisas! Aprenda a caminhar “pelas pegadas do tempo” e deixe o tempo trazer as coisas para você: se Deus lhe apresentou a moça ou o rapaz, pode ficar despreocupado: Ele também lhes mostrará o tempo certo para cada etapa de suas vidas, cujo final feliz já começou no instante em que vocês aceitaram sua aproximação como obra de Deus. Ele mesmo lhes levará ao altar e sua vida irradiará felicidade tal que vocês bendirão o dia em que se conheceram e o dia em que souberam esperar por Deus.

Enfim, pondo em prática essas dicas mais pontuais no início da paquera, o sucesso da caminhada dos jovens cristãos (moças e rapazes) virá sem dúvida e sem atropelar o tempo; e é provável que vocês até possam escolher qual será o “enredo final” da história: se será um beijo de despedida com uma sólida amizade, ou se será um beijo de compromisso com um sólido matrimônio! O “Casamento-a-Três” orará por você.

Sobre John Valente

Prof. John Valente - Especialização: relacionamento conjugal cristão; Formado em Administração de Empresas e Teologia, especializou-se em Ciências da Religião, e participou de diversos cursos e treinamentos na área de relacionamento conjugal, inclusive o Seminário de Relacionamento Afetivo da “Agência de Casamento” que lhe apresentou à sua esposa.
Esta entrada foi publicada em Casamento. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code