Página “Cantadas”: ótimo guia para crentes

Ao completar 6 (seis) meses de atividades, o Site “Casamento-a-Três” presenteia seus leitores e afiliados com algo que poderia ser chamado de “Manual das Cantadas Decentes”, oferecendo aos cristãos solteiros uma excelente visão de como “cantar” uma moça crente, sem ferir a Moral cristã.

Cantadas bem feitasNão podemos deixar de ver o artifício de “cantar” uma mulher, as famosas “cantadas” no mau sentido, como uma “invenção mundana”, de origem tenebrosa, e que carrega sempre o cheiro do pecado ou da Tentação, levando suas vítimas primeiro à cegueira acerca das origens daquele sentimento “repentino”, depois às vias de fato, sem que nenhuma restrição moral lhes venha à mente.

Noutras palavras, este tipo de “cantar” uma mulher envolve muito mais o desejo sexual inconfesso (geralmente despertado pela atração física da beleza e da sensualidade) do que a antevisão de uma longa vida a dois, e por isso a cantada aprovada pelo Cristianismo está longe de significar um modo de “convencer” (ou enganar) uma moça a se deitar com um homem.

Para o Cristianismo, uma mulher cristã deve iniciar um namoro com um homem crente tão somente após tê-lo conhecido ao longo de certo tempo, e no qual tenha descoberto qualidades de caráter e inteligência que lhe dêem alguma certeza de que constituirá num bom marido e pai de seus futuros filhos. Qualquer coisa aquém disso é invenção mundana, e configura o tipo de envolvimento que este mundo aplaude efusivamente na pós-modernidade, a saber, a relação fugaz e unicamente erótica, realizada consensualmente por um homem egoísta e uma mulher descartável!

Moças se oferecem nuas

CLIQUE NA FIGURA PARA AMPLIAR

[Aliás, a coisa já “evoluiu” tanto (na verdade, involuiu), que nem é mais possível se falar em “cantadas” particularizando a prática sobre o sexo masculino, pois hoje em dia as mulheres também “cantam” homens, e até foram muito mais além em sua loucura, pois soubemos que agora elas se mostram nuas antes mesmo de conhecer o cara, enviando fotos sem roupa por meio de aplicativos de celular. Conclusão: Pobres e tristes moças atuais! Elas não sabem o que perderam, pois o testemunho histórico das velhas gerações mostram sempre mulheres felizes por receberem “cantadas”, chamadas no passado de “galanteios”, naquele ‘velho’ romantismo que encanta até nas músicas do passado. Quem não se lembra e não gosta de uma música onde Roberto Carlos diz: “Eu sou aquele amante à moda antiga, do tipo que ainda manda flores”?]…

Com efeito, no espírito do mundo, e com a atual aprovação das massas alienadas, pode-se dizer que uma cantada não é mais uma coisa difícil (pelo contrário, os homens quase não precisam mais cantar ninguém, pois as mulheres estão praticamente se entregando com o primeiro “sorriso do gato”!) e muito menos honrada de romantismo inocente, como era antigamente, belas e tocantes.

Cena romântica medievalAté os “enfeites declamados” (as ‘prosas’) de antigamente caíam bem com sua beleza e pureza, e só eram apresentados após um bom tempo de observação dos predicados pessoais da moça pretendida, os quais necessariamente incluíam decência, inocência, pudor, educação, meiguice, gentileza, admiração e outras qualidades de caráter que garantiam sustentar uma longa relação matrimonial. Eita bons tempos aqueles! Tempos que não voltam mais…

Enfim, foi pensando nisto tudo que esta Agência se inspirou e descreveu, em tópicos e itens de texto, o modus operandi da Paquerologia cristã, numa página específica para orientar crentes na hora de revelar sua boa intenção para com uma jovem cristã, a qual configura um longo artigo intitulado “Guia da Conquista Masculina – Como falar de amor para uma mulher cristã” [Esta página específica de “Cantadas” estará disponível a partir do próximo dia 20 de dezembro, marcando o início de nossa nova periodicidade de 5 dias nas postagens do Site].

Aliás, tomando cuidado para não adicionar outras dificuldades ao complexo jogo da paquera, a nova Página “Cantadas” oferecerá modos, situações, oportunidades e até lugares onde a paquera possa fluir bem, além de ajudar para fazê-la evoluir até uma “cantada vitoriosa”, não poupando ocasiões propícias ao bom senso, ao bom humor e à espiritualidade, após um tempo de observação de uma moça com potencial para ser uma boa esposa, e com quem o jovem acredita poder viver uma relação matrimonial duradoura até o fim da vida, como quer a vontade de Deus.

Target_practiceNeste mister, o Site “Casamento-a-Três” se coloca à disposição dos interessados na possibilidade de oferecer outras ajudas diretas e indiretas para a conquista da moça pretendida (bancando, inclusive, o “cupido virtual”), e também não se eximirá de ajudar uma moça cristã que esteja interessada num certo rapaz, desde que ela tenha recebido de Deus uma “indicação” ou indiciação percebida por outros membros da igreja, durante o tempo da qual ela tenha respeitado a decência e a distância com que uma crente deve se portar, sem extrapolar seu limite de abordagem, tomando uma iniciativa que a Bíblia diz ser própria dos homens.

Finalmente, com o desejo de que o “Guia da Conquista Masculina” traga a todos um bom repertório de possibilidades de ação neste sentido, recomendamos a sua leitura também para as mulheres, as quais poderão efetivamente avaliar se os “conselhos” ali elencados de fato farão surtir algum efeito para ajudar na difícil missão da conquista do coração feminino, sobretudo quando ele já tem dono, a saber, o Deus de Amor que salvou aquele coração na cruz do Calvário. Que as moças cristãs façam com nosso Guia esta empatia salutar, e os homens aprendam com ele e com elas maneiras decentes de conhecê-las e conquistá-las.

 

Sobre John Valente

Prof. John Valente - Especialização: relacionamento conjugal cristão; Formado em Administração de Empresas e Teologia, especializou-se em Ciências da Religião, e participou de diversos cursos e treinamentos na área de relacionamento conjugal, inclusive o Seminário de Relacionamento Afetivo da “Agência de Casamento” que lhe apresentou à sua esposa.
Esta entrada foi publicada em Casamento. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code