Orientações para início de paquera

Como iniciar uma conversa com uma mulher decente, em cujo coração esteja o sincero desejo de formar uma família cristã, sob a luz da Palavra de Deus e o bom senso da experiência.

Pr explica Deus a jovens modernos“Mulher é um bicho complicado”, e hoje em dia são elas mesmas que dizem isso! Basta pedir uma delas para escolher com quem trabalhar ou por quem ser chefiada (se por um homem feio ou por uma mulher). A resposta será invariável: elas preferem trabalhar com um homem, mesmo um feio e truculento. Elas também já confessam que para entender a Mulher, é preciso, antes de tudo, saber tudo sobre o seu ponto mais erógeno: os seus tímpanos! Pois elas escutam, sim, mas não sabem ouvir, e falam pelos cotovelos! Logo, a conversa com uma mulher é imprescindível, se você quiser algo sério com ela. É na conversa que tudo começará, ou nada começará. Sem piedade.

Se você é cristão e quer chegar junto, esqueça: dar aquela pegada NEM PENSAR! (mesmo que ela seja uma mundana: você deve evitar a pegada por sua própria consciência espiritual; e às vezes, por não pegar, você será então muito mais atraente para ela: as mulheres têm o estranho hábito de pensar o contrário: se querem algo não demonstram; se não querem, fingem querer!): Quantos homens perdem a chance de ter uma boa namorada por abordar a mulher do jeito errado? Uma palavra… Quer dizer, meia palavra errada e tudo já era!…

Assim sendo, levando tudo isso em consideração, então como fazer para conseguir conversar com uma mulher disponível, já que todas elas possuem no íntimo do cérebro um estranho código secreto e são muito melhores observadoras do que nós homens? Talvez você possa iniciar tudo com um elogio, mas até este tem que ser muito bem feito ou sutil, ou em duplo sentido (às vezes sem faltar uma pitada de bom humor), para que ela não pense que você está vindo com uma velharia por baixo do paletó e diga para si mesma: “este cara é quadradão e por isso deve ser um machista da velha geração”.

Uma mulher consagrada1Você está sacando bem as coisas? Está percebendo como o terreno é pantanoso e escorregadio? Ora, dizer que as mulheres têm um complexo código, parece até que isso não é bom, não é?, Mas muitas delas vão mesmo se achar especiais (e talvez sejam mesmo, se você tiver a glória de encontrar a mulher que Deus preparou para você!). Não esqueça: Elas são muito melhores observadoras, e enquanto você está mais aceso pelo presente da carne, elas estão acesas pelo futuro do espírito. Assim, se você levar estas regras em conta, então começará bem. Mas, cuidado! Mulheres sacam logo quando você está sendo artificial ou gabola (mentir, nem pensar!). A melhor regra pode ser: deixar que tudo isso ocorra naturalmente. Você se sentiu à vontade para elogiar, elogie. Esse é o primeiro sintoma para começar a saber como conversar com uma mulher.

Veja outras dicas para ajudar:

  • Na sua aproximação, e muito mais como cristão, lembrar que imagem é tudo! Imagem para nós é, antes de tudo, dar bom testemunho! E nosso corpo até fala mais por nós do que nossa boca. Sua postura junto a qualquer mulher disponível, deverá ser sempre a do crente consagrado. E isso significa que você passará a segurança necessária para que ela veja em você o futuro marido com quem um dia sonhou. Testemunho é tudo. Sem isso, abrir a boca e conversar? Jamais! É muito melhor ouvi-la bem, ouvir suas amigas, do que dizer alguma coisa. Para ser o cara certo, nada de conversa insegura ou egocêntrica. Acima de tudo, tente unir sua elegância, seu contato visual (olhos nos olhos dela); demonstre interesse com o olhar; sorria (o sorriso é um verdadeiro milagre em seu auxílio).                                                                                                                                                                                                                      Se você conseguir operacionalizar esses itens, terá dado um grande passo. E veja outros:
  • Tenha iniciativa: depois de elegantemente demonstrar sua admiração por meio de linguagem não-verbal, agora é “o momento”: raras são as mulheres que tomam a iniciativa da conversa e por isso entre em ação: abra uma conversa agradável e construtiva, mas sem ser séria demais nem inadequada para a ocasião. Conte uma impressão sua sobre um fato atual, por exemplo: que você gostou de ver aprovada a Lei das domésticas ou a nova Lei de Proteção Ambiental. Depois, pode trazer para a conversa coisas mais pessoais; até poder dizer algo que mostre um ponto de concordância com uma opinião dela. Tudo isso, com bom humor.Moda evangélica-1
  • As amigas dela: inclua-as na conversa: além de ser educado, isso valoriza a mulher e a sua noção de sociedade, mostrando que você é agradável e educado socialmente. Mas nada de se concentrar numa outra moça!: isso seria o fim de tudo! É horrível quando ela acha que você deu mais atenção a outra, e também horrível quando você tenta tirá-la do grupo para conversar em particular: deixe isso para mais tarde, para encontros realizados semanas à frente (talvez no 5º ou 6º encontro). Então, prossiga na conversa dando maior atenção a ela, e pronto: só isso bastará. Porém, sem ignorar as amigas. Você vai perceber que, quando o encontro terminar, ela vai sair gostando mais de você, talvez sorrindo e aprovando sua atitude social. É isto que vai contar para o futuro de vocês dois…
  • Contato físico: sabe aqueles lances de amor platônico? Pois é… Deixe ele dominar tudo até o mais que puder. Mulheres adoram homens que sabem esperar, sem vexação. E melhor: mesmo que ela não admita nunca, um dia ela irá tomar uma atitude, e só aí você terá ganhado a batalha da paquera. Nunca seja apressado no amor. Isto não combina com mulher nenhuma, sobretudo se ela for uma cristã consagrada, como você sempre quis. No final, um aperto de mão seguro basta para passar a boa impressão que ela tanto procura, no meio de uma boa conversa.

RezaverdadeiraE, depois disso tudo, não seja um crente comum, ou seja, nunca pergunte: “Você vem sempre aqui?” Nunca! Lembre que prostitutas é que têm lugar marcado! Ela não! Para todos os efeitos, você se encontrou com ela “por acaso”, e o lugar também foi um puro acaso, que você vai pedir a Deus para se repetir. E se Ele quiser, se tiver sido mesmo da vontade dEle, pode apostar que você irá revê-la, em breve!

É hora de orar. E a regra é para continuar do mesmo jeito, se você nunca mais a vir (o jogo da paquera com Deus parece mais uma viagem de férias, onde você não tem compromisso com lugar nenhum, ficando poucos dias em hotéis diversos e conhecendo todo tipo de gente).

Logo, cabe a pergunta: com qual mulher você vai se encontrar hoje? Você já sabe como agir. Um dia Deus lhe dará uma delas!

Sobre John Valente

Prof. John Valente - Especialização: relacionamento conjugal cristão; Formado em Administração de Empresas e Teologia, especializou-se em Ciências da Religião, e participou de diversos cursos e treinamentos na área de relacionamento conjugal, inclusive o Seminário de Relacionamento Afetivo da “Agência de Casamento” que lhe apresentou à sua esposa.
Esta entrada foi publicada em Casamento. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code